0
Skip NavigationMenu

projeto Suproc

Um dos grandes desafios da equipe multiprofissional que atua na assistência a pacientes oncológicos é obter a adesão ao tratamento com antineoplásicos por via oral.

A adesão ao tratamento pode ser caracterizada como se o comportamento do indivíduo em termos de toma do medicamento coincide com as indicações da equipa que o trata.
A adesão pode ser influenciada por diversos fatores relacionados com o paciente, tratamento, serviços de saúde, crenças e hábitos de vida. Conhecer esses fatores é uma importante ferramenta para os profissionais de saúde que acompanham a evolução do doente crónico, em especial o doente com cancro.

O projeto SUPROC – Support Patients Receiving Oral Chemotherapy está em estruturação e discussão.